Blog > Design > Beleza & funcionalidade das formas orgânicas

03.08

Beleza & funcionalidade das formas orgânicas

Prancheta 1.png

"De curvas é feito todo o universo, o universo curvo de Einstein”. Essa é uma frase do memorável e inesquecível Oscar Niemeyer, e que pode definir o papo com a arquiteta Renata Rollemberg, que teve como tema principal, as formas orgânicas no design contemporâneo.

Assim como o mundo da moda, designers revisitam e reciclam, periodicamente, a história de criações humanas, ideias de outras décadas ganham releituras e novos significados.

Prancheta 2.png

“O design orgânico ganhou muita força nas décadas de 60 e 70, resultado da motivação em criar harmonia entre o ser humano e a natureza. O retorno desta tendência está ainda mais forte desde o ano passado. Com a instalação da pandemia, cada um de nós voltou a priorizar o conforto e a sensação de bem-estar nos espaços que ocupamos, e esse sentimento está impresso nas linhas sinuosas que encaixam no corpo humano, no movimento, característica principal do que definimos como design orgânico”, disse Renata.

Ainda sobre a tendência, a arquiteta, que contabiliza 13 anos no mercado sergipano, identifica que o retorno se deve a memória afetiva do ser humano, a busca por uma elegância natural e remoção dos excessos do nosso cotidiano.

Durante a visita ao Celi Mall Decor, Renata escolheu itens que imprimem, com exatidão, a tendência de contornos e formas fluidas. “Todas as peças destacadas quebram a “monotonia" das linhas retas, conversam com as emoções humanas, unem beleza e funcionalidade. Verdadeiras obras de arte onde quer que sejam encaixadas”, finalizou.

Prancheta 3.png

Prancheta 4.png

Fechar