Blog > Variedades > Hidden Bar - um pedaço do passado no presente

28.01

Hidden Bar - um pedaço do passado no presente

WhatsApp Image 2020-01-14 at 18.38.42.jpeg

O endereço não tem nada de badalação. A entrada é para poucos e apenas se for convidado. Uma experiência singular.

Inspirado na história dos antigos bares clandestinos durante o vigor da lei seca no início do século passado. Foi assim que o mixologista Jonatan Albuquerque criou o Hidden, um bar, no mais perfeito estilo speakeasy. O segundo do Nordeste.

Prancheta 1.png
 

“Sempre tive um sonho de ter um bar, desde que trabalhei como bartender no Canadá. Mas aqui no Brasil,  a realidade do bartender é inviável.  Então trabalhei com engenharia de produção, cheguei a pesar 120 quilos. Cansei. Pedi demissão, fui pra Bali e descobri a mixologia”.

Dali, seguiu especialização mundo afora: Espanha, Portugal, Alemanha.

“O segredo está no equilíbrio dos ingredientes”

Elemento

“Existe uma ciência por trás mixologia. Ingredientes que possuem a mesma molécula tendem a harmonizar. É o queijo e a goiabada; o chocolate e o caviar; é o gim, o vermute e o Campari do Negroni”.

FOTO3.png

Predileto 

O Moscow Mule é, disparado, o queridinho. Mas no Hidden, o sabor mexicano faz toda a diferença no sabor da escolha predileta da carta de drinks: o Kraken Mule, preparado com um rum que desembarcou no Brasil no final do ano passado.

*O drink é uma sensação única que mistura rum, sumo de limão, xarope de açúcar e espuma de gengibre.

A expertise do mixologista assina eventos, saraus, consultoria de bares na criação do cardápio de drinks para restaurante lá como o Lucky, Dunas, Score, Cozinha Reboco, Paisano, Marina’s Lounge.

FOTO2.png

Texto: Dânia Matos

Fotos: Mathews Montalvão

Fechar